Esta doença não tem cura. Uma afirmação. Apego-me em bengalas químicas legalmente anotadas pelo médico pra poder continuar. É uma força muito além do que se pode simplesmente explicar com dicas da dona Lulu. No entanto, as bengalas estabelecem aquele apoio como que um porto seguro onde se pode contar. Tenho esperança e me apego as outras coisas. Tenho procurado disfarçar e ludibriar a mente. Fiz um canteiro de hortaliças, fiz um local onde cultivo flores. Procuro entalhar vidro e nele criar um algo novo e expressar meu interior. Tenho procurado ler pra poder talvez escrever correto.

 Penso em vários momentos de dificuldade que poderia ser pior isso não é uma forma de contentamento ou de fuga, mas é talvez uma forma de globalizar o problema e tentar nutrir energias boas. Ao perceber que existem problemas piores bate uma sensação de vergonha por ser diminuto o deste que escreve. Mas isso ocorre quando a raiva não me domina.

 Tenho visto muita coisa ruim, mas destas pessoas ruins tento manter distancia. Em meu intimo percebo que neste planeta nem todos são seres amados de luz com alguns afirmam. Em meu intimo percebo que alguns são como vermes existem apenas para roubar oxigênio de outros e ao mesmo tempo perturbar vida de quem simplesmente quer viver. O oxigênio eu adaptei, pois não entendo nada de vermes e nem sei se utilizam este, mas os humanos vermes tenho certeza que sim. O interessante é quando não podemos sair pela tangente e por uma mera arte de observar assim ficamos e os vermes ali estão tentando ser tentando extrair o ultimo sumo destes que só querem viver.

Alem disso tenho procurado coisas alternativas. Li dias atrás sobre sons binaurais achei interessante ou talvez bem curioso. Estou tentando esta prática todas às noites quando já não mais consigo viver comigo.

O que diria sobre o todo superior e as crenças? Acho que temos que ter algo em que ancorar. No fundo bem no fundo tudo ao redor é química e energia. Mas como fomos criados com estima baixa somos obrigados a crer em força maior.

Tenho procurado criar maquetes em um programa livre da google em 3d é bom da pra criar universos personalizados. Tenho feito tabela pra tudo na minha vida, tabela pra tristeza, tabela pra conexão da internet, tabela da lua, tabela da chuva, tabela de estudo isso também tem ajudado. Tenho tentado aprender os ofícios que um pedreiro tem e assim tento construir minhas próprias coisas, demora, mas faço sozinho o que gosto. Neste momento a mente estabelece um pequeno acordo, uma trégua momentânea. Depois de um corpo fadigado nada posso pensar mais ou fazer senão apagar.

Percebi que reciclar, mas não como aqueles merdas dos ecologistas falam reciclar mesmo a pratica verdadeira é bem prazerosa. Quando acho algo no lixo que pode ser moldado, reaproveitado, recriado é como um gozo. Traz-me felicidade. Assim tento viver ludibriando a mente. Acho que esta é a única chave para tentar fugir do infortúnio.

Pra você que acha ou está em completa solidão e os pensamentos desgraçados passando como sicuta lhe diria pra tentar continuar. Colocar metas mesmo que absurdas aos olhos dos outros. Inventar algo que goste de fazer não o que os outros querem que faça. Não precisa seguir aquelas dicas  que normalmente tens ouvido como saia de casa, encontre amigos, vá a um baile, e puta que pariu, podes ser feliz lentamente dentro de teu castelo. Comece com atividades pequenas. Não precisa esperar a aprovação de ninguém, nem seus comentários és bem mais do que isso. Crie e recrie. Caso  esteja com digamos com uma doença, a doença da mente fuzilada, da mente inquieta, é um ser especial. Um ser verdadeiramente de luz, aqueles que eles dizem, além de seu tempo que produz tanto na mente que não consegue se satisfazer com o presente. Vá alem não acabe tudo de maneira simples.

Posted in Sem categorias

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s